O meu refúgio das palavras

Dezembro 13 2008

        Mais um dia que passa, e sem saber o que fazer em relação á minha vida. Sentada a ver a chuva a cair, pensando o porquê disto tudo. Será que não nasci para ter sorte no amor. Até agora só más experiências.

        Não me posso queixar, não me falta nada mas o essencial sim ... o amor.

        Só me resta esperar a minha vez, isto se um dia chegará. Até lá vou viver a minha vida, sorrir isto porque adoro sorrir é a minha maior defesa.

publicado por Sandra às 08:32

"Se algum dia sentires a minha falta, olhe para o horizonte e toda vida que uma brisa leve tocar seu rosto, lembre-se: sou eu que te beijo em silêncio"
mais sobre mim
Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

14
20

21
24
25
26
27

28
31


pesquisar
 
blogs SAPO